IRMÃOS NO MESMO QUARTO?

, , , , , ,

Bom dia leitores! Hoje viemos falar sobre quartos para irmãos: o espaço disponível, a paleta de cores usada e a privacidade para cada um. Parece muito difícil resolver esta questão, né? Por isso viemos dar algumas dicas para você ter uma boa solução no quarto dos seus filhos.

 

  1. Aproveitamento do espaço:

A disposição das camas, dos armários, os espaços disponíveis para brincar e estudar, tudo deve ser pensado com muito cuidado. Saber aproveitar o espaço e ainda deixá-lo funcional trará mais conforto para os seus filhos.

Uma das camas suspensas é sempre uma ótima opção. Além de liberar espaço horizontal, cria diversas possibilidades para encaixar bancadas de estudo, armários baixos e escada com gavetões para guardar brinquedos ou objetos das crianças.

 

  1. Paleta de cores:

Outro ponto muito questionado e de grande importância: que cor usar no quarto dos meus filhos? Não esqueça que elas são crianças e as cores despertam os sentidos dos pequenos. Você pode usar as cores tradicionais como rosa para as meninas e azul para os meninos, mas também pode ousar e fazer com cores bem diferentes.

Se você gosta de ousar um pouco mais, pode apostar na mescla de cores mais fortes e vibrantes. Mas se você prefere algo mais clean, se mantenha nas candy colors que são atemporais e uma ótima escolha. Por fim, a dica final é: se você quer que seus filhos utilizem o quarto por mais tempo, não utilize um tema específico.

 

  1. Privacidade:

É muito importante que os seus filhos possam ter privacidade, principalmente a partir da adolescência. A dica é para que você tente dividir o quarto, para que cada um possa ter seu espaço de alguma forma, mesmo que ele seja compartilhado.

 

Gostou das nossas dicas de hoje? Conta com a gente para achar uma ótima solução para o quarto dos seus filhos, nós adoramos estes fofos desafios!

Beijos,

Equipe Kris Bristot

krisbristot.com.br

Tel (48) 3028-0642

Cel/ Whatsapp: (48) 98818-3382

instagram: @krisbristotarquitetura

facebook.com/krisbristotarquitetura

Comentários